Polícia Federal aumenta vigilância na Baía de Guanabara para combater o tráfico de drogas

Polícia Federal aumenta vigilância na Baía de Guanabara para combater o tráfico de drogas
Facebook
Twitter
WhatsApp

A Polícia Federal intensificou sua vigilância na Baía de Guanabara, abrangendo também Angra dos Reis e Itaguaí, como parte de uma estratégia conjunta entre o governo estadual e o Ministério da Justiça para conter o avanço de grupos criminosos na região. O superintendente da PF no Rio, delegado Leandro Almada, revelou que os agentes da polícia marítima agora terão o apoio de cinco lanchas para reforçar a segurança nessas áreas.

Embora a Polícia Federal já estivesse ativa na patrulha dessas regiões, a incorporação de lanchas adicionais permitirá um patrulhamento mais eficiente. Atualmente, as equipes contam com três lanchas, incluindo uma lancha blindada. A aquisição de mais duas lanchas, também blindadas, está em andamento e deve aprimorar ainda mais as operações nos próximos meses.

O governador Cláudio Castro enfatizou que a próxima fase das operações contra grupos criminosos será uma “investigação minuciosa em comércios e serviços” com o intuito de identificar estabelecimentos envolvidos na lavagem de dinheiro para o tráfico e milícias. Inicialmente, essa investigação será conduzida em colaboração entre a Polícia Civil e a Secretaria Estadual de Fazenda, posteriormente envolvendo a Polícia Federal em conjunto com a Receita Federal.

Essas ações fazem parte de um esforço contínuo para garantir a segurança e combater a criminalidade em várias áreas do Rio de Janeiro, especialmente no que se refere ao tráfico de drogas e à lavagem de dinheiro.

Facebook
Twitter
WhatsApp

Leia Mais