Projeto “Bota Fora” no Jacaré: Clin recolhe mais de uma tonelada de resíduos

Projeto "Bota Fora" no Jacaré: Clin recolhe mais de uma tonelada de resíduos
Facebook
Twitter
WhatsApp

Na manhã desta quarta-feira (20), a Companhia de Limpeza de Niterói (Clin), em parceria com o PRO Sustentável e a associação de moradores do Jacaré, promoveu mais uma edição da campanha “Bota Fora”. O objetivo da iniciativa é conscientizar a comunidade sobre a importância de evitar o descarte irregular de resíduos volumosos. Ao longo da Estrada Frei Orlando, os moradores depositaram uma variedade de itens, incluindo computadores, caixas d’água, sofás, colchões, televisões, caixotes de madeira e entulhos de obras. Como resultado, a Clin recolheu mais de uma tonelada de resíduos na região.

Luiz Carlos Fróes, presidente da Clin, destaca a receptividade positiva da população em relação à campanha: “A população tem demonstrado grande aceitação por essa ação. Estamos planejando expandir essa iniciativa para outros bairros, visando coibir o descarte irregular de materiais”.

Ricardo Luiz Gabriel, morador do Jacaré, expressou sua aprovação à iniciativa: “O ‘bota fora’ é muito importante. Antes, eu não sabia como descartar esses materiais, então acabava acumulando em casa. Agora, consigo deixar na frente da minha casa quando a equipe está aqui, facilitando bastante nossa vida. É uma forma de conscientizar as pessoas sobre a importância de cuidar do meio ambiente”.

Gustavo Relvas, representante da Associação de Moradores do Jacaré, ressalta a relevância da parceria entre a Clin e a comunidade: “Essa ação foi um sucesso, contribuindo para a correta destinação de uma grande quantidade de resíduos. A parceria entre a Clin e a associação de moradores tem gerado resultados significativos, promovendo um bairro mais limpo, bonito e sustentável”.

Fernanda Lachini, coordenadora da equipe socioambiental da Método/PRO Sustentável, destaca o caráter educativo da campanha: “O ‘Bota Fora’ é uma ação educativa que objetiva melhorar a qualidade de vida dos moradores. Estamos satisfeitos com o aumento da participação da população, o que demonstra que estamos no caminho certo para tornar o bairro mais sustentável”.

Facebook
Twitter
WhatsApp

Leia Mais