São Gonçalo investe mais de R$ 38 Milhões em obras de Macrodrenagem para combate a alagamentos

São Gonçalo Investe Mais de R$ 38 Milhões em Obras de Macrodrenagem para Combate a Alagamentos
Facebook
Twitter
WhatsApp

A Prefeitura de São Gonçalo continua seu esforço para combater alagamentos crônicos na cidade, investindo mais de R$ 38 milhões em obras de macrodrenagem nos bairros Mutuaguaçu, Mutuá e Porto do Rosa. Após realizar intervenções bem-sucedidas em Colubandê, Vista Alegre e Boaçu, a municipalidade iniciou um novo pacote de obras que inclui sistemas de escoamento de águas pluviais, pavimentação, e outras melhorias.

O projeto abrange 14 ruas, totalizando mais de 3,8 quilômetros de extensão nos mencionados bairros. A previsão é de que mais de 10 mil gonçalenses, entre residentes e transeuntes, se beneficiem das intervenções, que incluem macro e microdrenagem, pavimentação, meio-fio, passeios e sinalização viária.

O investimento faz parte do eixo “Cidade Bem Cuidada e Organizada” do Plano Estratégico Novos Rumos, sendo uma prioridade definida pela Secretaria de Gestão Integrada e Projetos Especiais (Semgipe). O projeto tem um prazo de execução de 12 meses.

O prefeito Capitão Nelson visitou o local para acompanhar o início das obras e enfatizou que as intervenções fazem parte das promessas de campanha. “Eu prometi e estou cumprindo. Ao todo, 14 ruas serão contempladas para beneficiar toda essa população e acabar com as inundações daqui. Aqui, prezamos pelo trabalho em primeiro lugar, dando mais dignidade e benefícios para os gonçalenses”, afirmou o prefeito.

Douglas Ruas, secretário de Estado das Cidades, também esteve presente e destacou a importância do projeto para a cidade. “A cidade de São Gonçalo passa por uma verdadeira transformação. Mais uma obra se inicia, essa com recursos próprios da Prefeitura, mas temos outras com recursos do governo do Estado, com o apoio do governador Cláudio Castro. Aqui em São Gonçalo está claro e evidente que a união segue fazendo a diferença. Estamos em uma região onde os moradores sofrem constantemente com as chuvas. Com essa obra de macrodrenagem, vamos colocar um fim nesse problema, dando mais segurança e dignidade para a população”, afirmou.

As intervenções incluem ruas como Avenida Paula Lemos (parte), General Canrobert, Professor Altivo (parte), Padre Nicolau Luís, Libório Viana, Álvaro Costa, David Alves, Ismael Passos, Custódio Duarte, Capitão Crisanto Bastos, Ricardo Jorge, Guimarães Passos, Diogo Pereira, e uma via sem nome.

Além de melhorar a qualidade de vida e segurança dos moradores, as obras proporcionarão mais acessibilidade, condições de higiene e segurança para a região, resolvendo problemas crônicos de alagamentos. A expectativa dos moradores é positiva, ansiosos por verem melhorias efetivas após anos de promessas não cumpridas.

Facebook
Twitter
WhatsApp

Leia Mais