São Gonçalo: Polícia desencadeia operação contra narcomilicianos

Polícia Invade Boca de Fumo e Quebra Esquema de Narcomilicianos em São Gonçalo e Região
Facebook
Twitter
WhatsApp

A Secretaria de Estado de Polícia Civil (Sepol) executa nesta quarta-feira (13/03) a “Operação Quartzo”, com o propósito de debelar a atuação de narcomilicianos vinculados ao Comando Vermelho (CV). O foco principal da ação recai sobre a exploração ilícita de serviços como internet, sinais de TV, água e gás de cozinha em diversos bairros de Itaboraí e adjacências.

No total, estão sendo cumpridos 72 mandados de busca e apreensão em áreas que abrangem o Rio de Janeiro, Niterói, São Gonçalo, Maricá, Cabo Frio e Arraial do Cabo, concentrando-se particularmente em Itaboraí. A operação conta com a participação de agentes de diversos departamentos policiais, peritos criminais e representantes de concessionárias de serviços.

Resultante de uma investigação de 11 meses conduzida pela Delegacia de Defesa dos Serviços Delegados (DDSD), a operação visa não apenas locais ligados às empresas associadas aos narcomilicianos, mas também estabelecimentos prisionais onde líderes desses grupos organizam suas atividades criminosas.

O cerne da operação consiste na apreensão de armas, munições, eletrônicos e documentos que guardem relação com as atividades ilegais. A imposição de exclusividade nas comunidades, afetando a concorrência e a qualidade dos serviços prestados, é um dos principais focos das investigações.

As empresas associadas aos narcomilicianos são acusadas de destinar parte dos lucros, estimados em R$ 15 milhões mensais, para financiar atividades ilícitas e lavagem de dinheiro. Os delitos em apuração englobam interrupção de serviços essenciais, receptação, associação criminosa, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Facebook
Twitter
WhatsApp

Leia Mais